Poemas que gosto, poemas que nem gosto, mas que vem brincar por aqui por acaso...

Poema ao acaso

Ocorreu um erro neste gadget

02 abril, 2007

Pergunte ao Pó

Quando eu li "Pergunte ao Pó", de John Fante, chegando ao fim do livro, parei!
Parei de pena de abandonar Arturo Bandini.
Parei de pena de deixar de continuar conhecendo Arturo Bandini.
Deixei o livro sem terminar de ler de tanto que gostei dele.
Após tê-lo lido quase sem parar, dando algumas pausas para "economizar", fiquei vários dias sem contato com ele, evitando terminar o livro.

Nenhum comentário:

O novo Ano Novo...