Poemas que gosto, poemas que nem gosto, mas que vem brincar por aqui por acaso...

Poema ao acaso

Ocorreu um erro neste gadget

14 junho, 2007

Já no "Correio da Bahia"

Saiu num dos principais jornais baianos. Nota enviada pelo amigo Lima Trindade, da Verbo21:
14/06/2007
Contos em diálogo




Ana Cristina Pereira

A escritora paulista Yara Camillo lança amanhã, às 18h, na livraria LDM (Piedade), seu segundo livro, a coletânea de contos Volições. O trabalho, publicado pela Massao Ohno Editor, recupera, em alguns aspectos, sua estréia em publicações, que aconteceu em 2004 com Hiatos. Tanto na retomada de alguns textos, quanto na parceria com o ilustrador alagoano Wilson Neves.

Volições, detalhou Yara no site de literatura Verbo 21, reúne a maior parte dos contos de Hiatos, alguns inéditos e algumas iluminuras, como chama o conjunto de seis desenhos coloridos colocados no final do volume. Invertendo o processo usual, Yara escreveu pequenos textos misturando prosa e poesia a partir deles. Entre os contos que ganham reedição, Noite de gala, Copidesque, Dona Menina e Hiato. O último, dividido em três partes, tem carpintaria criativa – se aproximando da dramaturgia – abre o novo livro. Além dos desenhos, a publicação conta com fotografias de Marjorie Sonnenschein.

Prestes a completar 50 anos, Yara Camillo é formada em comunicação pela Faap, com especialização em cinema. Antes de chegar às publicações, participou de antologias e venceu vários concursos literários. Os contos Copidesque, por exemplo, que estão em Volições e Multiplicação de pães, venceram, respectivamente, os concursos de Contos Brasileiros (1987) e da Agenda Latino-Americana (2003).

***
Ficha

Livro: Volições
Autora:Yara Camillo
Editora: Massao Ohno Editor
Lançamento: amanhã, às 18h, na Livraria LDM Multicampi (Piedade)
Preço: R$25

2 comentários:

L.A.S. disse...

Olá Cintia, amiga de overmundo. Muito legal esse seu blogue e esse post aguçou minha curiosidade sobre o trabalho da Yara. Se puder dá um visitada no meu.
Abraço,
Leandro.

Cíntia disse...

Darei sim, caro Leandro.
Às vezes não comento suas colaborações, mas estou sempre votando.
Abraços

O novo Ano Novo...